Saúde e bem estar

Quais as diferenças entre urologista e nefrologista?3 min read

urologista e nefrologista

Cardiologista, pneumologista, ortopedista, anestesista… ufa! A lista de “istas” aumenta cada vez mais. Atualmente, a medicina tem crescido de maneira exponencial, de modo que os profissionais se tornam ainda mais especializados. Conhecer a diferença entre eles é fundamental na hora de marcar uma consulta médica.

Você já se perguntou a diferença entre urologista e nefrologista?

Essas duas especialidades frequentemente caminham lado a lado, devido à proximidade dos sistemas que estudam. As indicações para consultas com um ou outro profissional, no entanto, são diferentes. Por esse motivo, é importante saber o caminho médico que cada um percorreu e quais problemas ele pode solucionar.

Pensando na recorrente dúvida sobre a diferença entre urologista e nefrologista, separamos os principais tópicos que a explicam. Falaremos, inicialmente, sobre as peculiaridades fundamentais de cada uma; em seguida, abordaremos o percurso médico de ambas as especialidades e quais as indicações de consulta. Quer saber mais? Continue conosco!

Qual a diferença entre urologista e nefrologista?

A confusão entre essas duas especialidades ocorre porque ambas cuidam dos rins. “Urologista” é outro nome para cirurgião urológico, ou seja, para o médico que cursou cirurgia geral em sua residência. A especialização em urologia o autoriza não apenas a operar os rins, mas também todos os órgãos do sistema urinário. Doenças na bexiga, ureteres e uretra são cirurgicamente manejadas por esse profissional.

O nefrologista, por sua vez, fez residência em clínica médica após a graduação. Ele é o médico responsável por atendimentos em consultório e internações hospitalares, como qualquer clínico geral. Os casos que esse profissional atende geralmente são quadros não cirúrgicos e que demandam tratamento medicamentoso.

Quando procurar um nefrologista?

O nefrologista cuida de casos clínicos relacionados aos rins. Entre eles, o mais comum é a insuficiência renal, que está associada a quadros de diabetes e hipertensão arterial.

Outras doenças que têm indicação de encaminhamento a um nefrologista são infecções urinárias de recorrência e alterações iônicas no sangue. Eles também são os profissionais responsáveis por dar seguimento ao tratamento após o transplante renal.

Quando procurar um urologista?

É muito comum pensarmos no urologista como um médico para os homens, análogo ao ginecologista para as mulheres. Não é uma comparação indevida: a visita a um urologista é recomendada anualmente a homens, principalmente após os 40 anos. Nessa faixa etária, deve-se ter especial atenção ao câncer de próstata, fazendo exames preventivos regulares.

No entanto, a urologia não é restrita à saúde dos homens. Essa especialidade também atende as mulheres, em alguns problemas que não são abrangidos pela nefrologia. Entre as doenças que podem ser tratadas por um urologista estão a incontinência urinária e infecções urinárias de repetição.

Além disso, a urologia atende casos que não estão apenas restritos aos rins, diferentemente da nefrologia. Cálculos vesicais, tumores no trato urinário e refluxo vesicoureteral estão entre as doenças tratadas por esses profissionais.

No dia a dia, é comum que urologista e nefrologista caminhem juntos no atendimento ao paciente. A integração entre essas especialidades promove um atendimento mais global e detalhado, ampliando suas capacidades terapêuticas. Nesse contato, no entanto, é primordial que cada profissional tenha uma área específica de atuação para melhor organizar a atenção à saúde.

Agora você já sabe um pouco mais sobre a diferença entre urologista e nefrologista. Alguma vez você já confundiu entre esses dois profissionais? Existe alguma dúvida em relação às diferenças entre outras especialidades médicas? Deixe sua experiência e sua opinião nos comentários!

CTA - Fácil ConsultaPowered by Rock Convert

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up